O Natal do Avarento #26

resized_P_20160718_075451
Autor: Charles Dickens
Editora: Scipione
Ano: 2000
Páginas: 86

“Você não acha que deve pensar antes de falar? As palavras têm um peso muito grande, elas podem tanto bendizer como amaldiçoar.”

O Natal do Avarento é o primeiro de uma série de “livros de natal” escritos por Dickens. Publicado em 1843, foi seguido anualmente por diversas outras obras com essa temática, sempre publicadas no período natalino.

A história gira em torno de Ebenezer Scrooge, um dono de armazém extremamente avarento, que odeia tudo e todos e vive solitário. Com a chegada do natal, Scrooge fica ainda mais ranzinza, pois acredita que o natal é uma festa inútil que desperdiça tempo e dinheiro.
Contudo, na noite de natal, deitado solitário em sua cama, Scrooge recebe a visita de um fantasma que representa o espírito do natal. Em companhia dele, Scrooge percorre lugares onde a confraternização e a partilha que significam o natal acontecem: na casa de seu único sobrinho, uma festa aliás que Scrooge não quis ir; na casa de seu funcionário Bob, onde ele, sua mulher e seus 5 filhos compartilham a felicidade. Sem entender direito o motivo de visitar esses lugares, o fantasma do natal leva-o ao passado, no momento em que Scrooge perde a mulher que amava, trocando-a pelo dinheiro.

Incapaz de comovê-lo, o fantasma do natal troca de lugar com outro fantasma, este representando a morte. Da mesma forma percorre diversos lugares com Scrooge, mas desta vez no futuro. Assim, o avarento descobre que morreu, mas que ninguém foi ao seu velório, tão pouco ao seu enterro; que o filho mais novo de Bob morreu porque este não tinha dinheiro para pagar o tratamento, dinheiro negado por Scrooge; e que no fim todos ficaram muito felizes com a sua morte.
Scrooge então se arrepende da vida que levou, reconheceu seus erros e pede uma segunda chance na vida para melhorar. Melhorou a tempo de salvar não apenas o natal dos mais próximos como o seu próprio.

Um livro com uma linguagem leve, mas com uma reflexão muito séria. Não podemos achar que teremos uma segunda chance em tudo na vida, e podemos perceber tarde demais que tomamos o caminho errado. Como o próprio espírito do natal fala: “As palavras têm um peso muito grande”, e é necessário não apenas pensar antes de falar, mas também escolher as palavras certas para falar.
Ótima história e importantes reflexões!

O filme Os Fantasmas de Scrooge, de 2009, é uma animação baseada no livro

Até a próxima!

Comprar:

Amazon

Anúncios

4 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s