Soundtrack from the Film More (1969) – Pink Floyd #8

Resultado de imagem para soundtrack from the film more

More – 1969

Lado A

1 – Cirrus Minor – (Waters) – 5:18
2 – The Nile Song – (Waters) – 3:26
3 – Crying Song – (Waters) – 3:33
4 – Up the Khyber – (Mason, Wright) – 2:12
5 – Green is the Colouor – (Waters) – 2:58
6 – Cymbaline – (Waters) – 4:50
7 – Party Sequence – (Mason, Wright, Gilmour, Waters) – 1:07

Lado B

1 – Main Theme – (Mason, Wright, Gilmour, Waters) – 5:28
2 – Ibiza Bar – (Mason, Wright, Gilmour, Waters) – 3:19
3 – More Blues – (Mason, Wright, Gilmour, Waters) – 2:12
4 – Quicksilver – (Mason, Wright, Gilmour, Waters) – 7:13
5 – A Spanish Piece – (Gilmour) – 1:05
6 – Dramatic Theme – (Mason, Wright, Gilmour, Waters) – 2:15

O Pink Floyd ainda estava se organizando após a saída de Barrett, quando recebeu um convite do diretor Barbet Schroeder para elaborar a trilha sonora de um filme que iria dirigir. O filme conta a história de uma estudante alemã que vai para Ibiza e se envolve com drogas, especialmente heroína, além de versar sobre juventude, liberdade, mais drogas e psicodelia. Um retrato cultural bastante simbólico e denso do final dos anos 1960 e que se encaixa perfeitamente com o estilo do Pink Floyd. Apesar da ideia ser boa, o filme não conseguiu muito sucesso.

O disco ficou em nono lugar no Reino Unido, mas apenas em 153º nos EUA. Esta seria a terceira experiência com trilha sonora do grupo, já que em 1967 eles haviam feito músicas para Tonight! Let’s All Make Love in London e em 1968 canções para The Committee.

Músicas

Músicas lentas, sem muita liga, com letras muito abstratas e que se encaixam com o filme, apenas. São músicas para compor o álbum: Crying Song; Green is the Colour; A Spanish Piece. 

Canções que até parecem boas, mas que são apenas medianas: Ibiza Bar; Cirrus Minor.

Instrumentais: Up the Khyber; Party Sequence; Main Theme; More Blues; Quicksilver; Dramatic Theme.

Vale a pena ouvir

The Nile Song

Um rock pesadão, um dos poucos da banda, com riffs de guitarra e voz distorcida. Fala de um sentimento de paixão por uma mulher, pelo menos aparentemente. Mas no fundo é o poder das drogas sobre o ser humano. O verso final deixa isso bem claro:

She is calling from the deep / Summoning my soul to endless sleep
She is bound to drag me down / Drag me down

Cymbaline

Uma canção que fala sobre superação, sobre deixar tudo e todos aqueles que te colocam para baixo para trás. Gritando em seu refrão: “And it’s high time”.

You hear the thunder of the train 

Suddenly it strikes you that they’re moving into range

 

Um disco não muito falado, mas que guarda algumas boas surpresas. Discografia é assim: obras primas convivem com trabalhos mais simples.

Na imagem destacada uma das capas do filme More.

E para quem se interessar, assista ao trailer do filme:

Até a próxima!

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s