Filmes de Guerra, Canções de Amor #6

Hamburger Hill

Resultado de imagem para hamburger hill

Ano: 1987
Direção: John Irvin
Elenco: Michael Boatman, Don Cheadle, Michael Dolan
Duração: 1h 52min

Aproveitando-se do enfraquecimento das forças comunistas após o desgaste militar resultante da Ofensiva do Tet, o general William Westmoreland organizou uma série de ações contra rotas de abastecimento dos vietcongues. Dentro desse propósito, se enquadravam as posições no vale da província de Thua Thien-Hue, próxima à fronteira com o Laos. O alvo específico era o monte denominado Ap Bia, decodificado como Colina 937. Apesar da Colina 937 ter pouco valor estratégico e estar fortemente defendida, o alto-comando militar dos Estados Unidos ordenou um maciço ataque frontal para conquistar a região. Por diversos dias, unidades de infantaria americanas se lançaram contra as posições vietnamitas, avançando pouco. A batalha se tornou particularmente violenta, com intensos tiroteios e confrontos entre duas tropas obstinadas. Para tentar quebrar o impasse, os americanos lançaram múltiplos ataques aéreos por meio de aviões e helicópteros, ao mesmo tempo que reforçou suas linhas com unidades de paraquedistas.

A violência dos combates fez com que os soldados a chamassem de Hamburguer Hill, uma vez que a colina era capaz de transformar homens em hambúrgueres, tamanha a carnificina causada pelos norte-vietnamitas e pelo fogo amigo. Essa história real serviu de base para o filme.

O filme narra o assalto do 3º Batalhão do 187º Regimento de Infantaria dos EUA contra a Colina 937. Além da violência marcante, necessária para recriar com perfeição o combate (em especial a cena em que helicópteros metralham as próprias tropas americanas por confundirem seus companheiros com os inimigos, devido aos uniformes sujos de lama),  o filme toca em algumas questões delicadas: o despreparo dos recrutas, os erros do comando americano, que sacrifica soldados de forma inútil, menosprezando a capacidade logística do inimigo e abusando de táticas perigosas que poderiam ter sido evitadas com um simples trabalho dos Setores de Inteligência sobre o local. Um filmaço sobre a Guerra do Vietnã. Acompanhe o trailer:

Andrew Lloyd Webber – The Phantom of the Opera

Essa música é do musical do mesmo nome composta por Andrew Lloyd Webber, baseada no livro homônimo de Gaston Leroux. No enredo a cantora de ópera, Christine, triunfa na noite de gala da aposentadoria dos antigos gestores da Ópera de Paris. Seu velho amigo de infância, Raoul, ouve-a cantar e recorda do seu amor por Christine. Neste momento, existem rumores da ópera está assombrada por um fantasma e este é conhecido pelos gestores através de cartas e atos maléficos.

O fantasma, chamado Erik, sequestra Christine durante uma produção de Fausto e tenta força-lá a se casar com ele. Erik afirma que, se ela recusar, vai usar explosivos (que ele plantou nas caves) para destruir toda a casa de ópera. Christine concorda em se casar, mas diante da impossibilidade dessa união, ela levanta a máscara para beijá-lo na testa. Erik revela que ele nunca recebeu um beijo (nem mesmo de sua própria mãe), nem foi autorizado a dar um e é tomado pela emoção. Ele e Christine choram juntos e as suas lágrimas se misturam. Erik expressa mais tarde que ele nunca sentiu tão perto de outro ser humano. Erik pede para que sua morte seja informada no jornal, uma vez que ele está prestes a morrer de amor.

A música é tocada, no musical, quando Christine é raptada pelo fantasma e é levada para sua casa embaixo da Ópera onde ele se identifica como Erik. Essa apresentação é do grupo Prague Cello Quartet:

Na imagem destacada o quadro do pintor Caravaggio, chamado A incredulidade de São Tomé.

Até a próxima!

Anúncios

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s