O Carbúnculo Azul #9

P_20181222_142527_MT_1.jpg

Editora: Martin Claret
Ano: 2011
Páginas: 19

“Suponho que, apesar de seu aspecto inocente, esse objeto tenha uma história terrível, ou talvez a pista que vai guiá-lo na solução de um mistério e contribuir para a punição de um crime.”

O inesperado caso de um ganso e um chapéu que vão parar em Baker Street 221B. Um comissário de polícia salvou esse itens de um homem que estava sendo importunado por arruaceiros, mas o homem fugiu assustado e o comissário levou para Holmes descobrir de quem eram esses objetos. Mas Holmes descobriu que o ganso carregava mais do que carne, havia uma pedra preciosa em sua barriga.

Estendeu a mão e mostrou no centro da palma uma pedra azul de brilho deslumbrante, do tamanho de um feijão, mas tão pura e cintilante que parecia uma luz elétrica no côncavo escuro da mão. Sherlock Holmes se levantou e assobiou.

Tudo ficou mais claro quando chegou a notícia de que a Condessa de Morcar havia sido roubada no hotel em que estava hospedada, e os principais suspeitos eram o encanador que fazia um reparo no quarto e o chefe de serviço.

Mas Holmes teve que literalmente refazer os últimos passos do ganso e foi atrás de quem vendeu o ganso para saber da identidade de quem perdeu e acabou encontrando um homem que estava desesperado atrás de um ganso com as mesmas características. Habilmente Holmes conseguiu levar esse homem até o seu apartamento e descobrir que ele era James Ryder, o chefe de serviço do hotel que havia surripiado a joia para tentar melhorar de vida.

Essas quatro gramas de carvão cristalizado já foram causa de dois assassinatos, uma tentativa de envenenamento, um suicídio e vários roubos.

Esse conto faz parte da coletânea As Aventuras de Sherlock Holmes, que você pode adquirir na Amazon.

Na imagem destacada o quadro Watching Jewels, de Władysław Czachórski – 1890.

Até a próxima!

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s