Imoral ou ilegal? – Reticências #2

Novamente a Verdade.

pexels-photo-920036.jpeg
Foto por Nathan Cowley em Pexels.com

O Brasil passa por uma crise séria. Milhares estão morrendo pelo COVID-19, outros tantos estão perdendo o emprego. A incerteza do futuro é mais uma questão que assola a população. E no meio disso tudo o governo resolve distribuir um auxílio emergencial para as pessoas mais necessitadas, trabalhadores informais, etc. Sem entrar no mérito da questão, é uma ajuda para quem precisa.

E então o brasileiro mostra novamente sua face mais sombria: segundo um relatório do TCU (Tribunal de Contas da União), cerca de oito milhões podem ter recebido indevidamente o auxílio. OITO MILHÕES de brasileiros que se cadastraram indevidamente para receber um auxílio do qual eles não precisam.

E aí me veio um pensamento sobre isso: é possível julgar essa atitude?

Ilegal ou Imoral?

pexels-photo-1987097.jpeg
Foto por Simon Clayton em Pexels.com

No Brasil dos dias atuais manda a lei do mais esperto. O mais esperto está se dando bem no Brasil, salvo alguns não tão espertos que a polícia acaba pegando. E para nós, cidadãos comuns, pagadores de impostos e vivendo sob a égide do ‘pão e circo’, o que nos sobra? Assistir de um camarote privilegiado (o sofá) a roubalheira e a corrupção sendo gritadas, escancaradas, a pleno pulmões todos os dias. Tantos praticando o que é ilegal, sem que a lei os alcance.

Então, eis que surge um dinheiro desse mesmo governo disponível para todo aquele que preencher os requisitos. E aquele que não tem a necessidade desse auxílio se cadastra e pratica algo imoral. Imoralidade que resvala no ilegal, mas que está muito longe daquela ilegalidade falada anteriormente. Temos ou não temos o que falar desses ‘imorais’? Somos nós também imorais? Existe um grau para a imoralidade?

Para aqueles que ainda têm consciência, se agarre nela. ‘Ensine os mais jovens pelo exemplo e construa um Brasil melhor’ (típico slogan político). Ou então viva a sua vida da melhor forma possível, tentando não cair em tentação ao olhar o ‘espertão brasileiro’ se dando bem.

Vamos seguindo em frente…. pois não há outro caminho a seguir.

[…]

Esse espaço é para expor minhas reticências sobre a vida, aquilo que acaba se tornando o não-dito de minha existência. Sinta-se livre e provocado para expor as suas ideias também.

Até a próxima!

6 comentários

  1. É ilegal e imoral.
    Penso que nos 80 houve uma campanha com Jó Soares cujo tema era os brasileiros que gostam de levar vantagem em tudo. Talvez tenha resultado por um tempo, mas logo caiu no esquecimento.
    É ainda mais vergonhoso qdo quem está no poder pratica essa esperteza. Afinal, se puder sonegar, sonega. E assim vai…

    Curtido por 1 pessoa

    1. Para mim ser imoral é pior do que ser ilegal. A ilegalidade possui a força da lei como punição. Se vc prática algo ilegal há consequências reais, como a prisão por exemplo.
      Mas a imoralidade não possui uma punição real, apenas o controle talvez do senso comum. Mas em uma sociedade onde os valores estão invertidos, a imoralidade passa desapercebido.
      Abraço.

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s